Foi aprovado pelo Senado no começo deste mês projeto de lei que autoriza o requerimento de habilitação para casamentos pela Internet.

Essa será mais uma forma do governo de agilizar processos e também diminuir a emissão de papéis, economizando dinheiro e preservando o meio-ambiente.

De autoria do petista Aloizio Mercadante, o projeto segue agora para a Câmara de Deputados.

Fonte: Oficina da Web

Anúncios