Uma cena do episódio final de “Lost” foi exibida ontem em um evento realizado pelo jornal “The New York Times” com os produtores e parte do elenco do seriado.

De acordo com o blog brasileiro Dude, We Are Lost, a cena confirma a autenticidade de seis páginas do episódio que foram publicadas pelo blog italiano Macchianera no começo deste mês. A veracidade já havia sido atestada ao blog DarkUfo, especializado na cobertura de “Lost”, por fontes que tiveram acesso ao roteiro do episódio.

O material, que foi reproduzido por diversos sites de fãs de “Lost”, mostra o que deverá ocorrer no primeiro bloco do episódio.

Veja a seguir a tradução do que está escrito nas páginas.

Com Spoillers

EXTERNA NO POÇO DIA

SAWYER ABAIXADO nos arbustos, observando algo com MUITA CURIOSIDADE. E agora nós vemos O QUE É.

JOHN LOCKE. Que acaba de colocar uma corda retirada do poço em sua mochila.

Subitamente, CLICK-CLICK, um RIFLE SENDO ARMADO, e Sawyer sente o aço frio encostando em seu pescoço. Sawyer se vira e vê o rifle nas mãos de BEN

BEN


Já que você está observando, por que não se junta a nós?

UM OLHAR ENOJADO se forma no rosto de Sawyer à medida em que ele se levanta permitindo que Ben o leve até a CLAREIRA DO POÇO. Locke observa de dentro do poço, intrigado.

LOCKE

O que você está fazendo aqui, James?

SAWYER

Soube que Desmond caiu num poço, e vim ajudá-lo a sair.

Sawyer se debruça sobre o poço, vê a corda e percebe que ele está vazio.

SAWYER (Cont.)

Parece que alguém chegou antes de nós dois.

LOCKE

(Aproximando-se dele)

Você sabe por que estou aqui?

SAWYER

Você quer o Desmond porque precisa dele para destruir a ilha.

Esperamos que Locke NEGUE, mas ele não o faz.

LOCKE

É exatamente isso.

E Sawyer fica um pouco assustado com a confissão.

SAWYER

E aí o que, fumaça? Você vai afundar com o navio? Suicídio não parece ser muito seu estilo.

LOCKE

Tenho um barco ancorado próximo a esses montes onde peguei você.

Sawyer reage frustrado com os olhos e conclui: Locke tem tudo planejado.

LOCKE (Cont.)

E então vou sair velejando com esse barco e verei essa ilha inteira afundar. E você e o restante dos candidatos de Jacob? Vão todos afundar com ela.

SAWYER reage com um olhar

SAWYER

Não somos mais candidatos.

Locke REAGE. Ele quis dizer…? Mas, SUBITAMENTE SAWYER DÁ UMA COTOVELADA NO ROSTO DE BEN! Num instante pega o rifle, aponta-o para o peito de Ben ao passo em que se volta para a floresta.

SAWYER (Cont.)

Estarei de olho em vocês.

E com isso, Sawyer mantém a arma apontada para Ben à medida em que se mistura à mata e desaparece.

CÂMERA NO LOCKE. Observando Sawyer sumindo. Ainda absorvendo o que Sawyer disse. Ben, olha para ele, toca o ferimento no rosto e logo pergunta.

BEN

Você ia deixá-lo me matar?

LOCKE

Talvez.

Mas agora Locke viu algo perto dos pés de Ben. Se aproxima. Ajoelha. Bem ali no chão… Parece uma pegada de animal. Câmera no Locke que sorri.

LOCKE (Cont.)

Parece que um cachorro passou por aqui.

EXTERNA CLAREIRA – POÇO – DIA

Ben parecendo bastante assustado. Coloca as balas no rifle de forma nervosa à medida em que observa por sobre os ombros e a câmera se afasta para mostrar algo a cerca de 20 metros de distância.

JOHN LOCKE. Parado no topo do poço onde os vimos pela última vez. Seus olhos concentrados à medida em que meticulosamente recolhe a corda de dentro do poço colocando-a sobre os ombros…

UM PEQUENO CORTE MOSTRANDO OS DOIS. E outro na CORDA. Uma lembrança do que Ben uma vez fez a John Locke à medida em que a câmera se aproxima mais e mais de Locke e corta para…

EXTERNA

Erguida no meio das árvores, uma cabana no melhor estilo Família Robinson. E ela parece familiar. Câmera se foca em Desmond que então abre um grande sorriso

DESMOND

Bom dia!

E então nós descobrimos que ele está falando com…

ROSE E BERNARD! Que estavam sumidos há tempos.

BERNARD

Bom dia. Dormiu bem?

DESMOND

Sim. A cabana de vocês é bem melhor que o fundo do poço.

Rose tira uma chaleira do fogo à medida em que Bernard sorri, feliz por ter companhia.

BERNARD

Vou tomar isso como um elogio.

ROSE

Você vai ficar só de papo ou vai arrumar algum café da manhã para ele?

BERNARD

(Sorri largamente)

Vou verificar a rede para ver se tem peixe.

Bernard então assobia chamando por Vincent ao passo em que pega uma sacola e deixa o acampamento. Rose se aproxima com uma caneca Dharma amassada, coloca chá e dá a Desmond que admira o lar deles.

DESMOND

Há quanto tempo vocês vivem aqui, Rose?

ROSE

Nós construímos isso em 1975… Vivemos aqui por alguns anos… Então o céu ficou claro de novo. Só Deus sabe em que tempo nós estamos agora… Mas pelo menos nossas coisas ainda estão aqui.

(Ela se senta e diz)

Não quero ser rude, Desmond, mas depois que você comer, vou pedir para você ir embora. Nós quebramos nossa regra por sua causa.

DESMOND

Que regra é essa?

Rose então se inclina com um olhar sério.

ROSE

Nós não nos envolvemos.

Ela então relaxa e saboreia seu chá.

ROSE (Cont.)

Um homem preso dentro de um poço… Essa foi uma circunstância especial. Mas o que te jogou lá dentro? É exatamente o tipo de coisa que Bernard e eu queremos evitar.

DESMOND

(Concorda, sorri e diz)

É justo.

Latidos. Vincent vem correndo na floresta fazendo com que Rose e Desmond se virem para ver. Bernard está de volta. Carregando uma sacola com peixe dentro. Rose sorri.

ROSE

Parecer que você pegou alguma coisa.

Oh, não! E aí nós vemos o olhar no rosto de Bernard. MEDO.

BERNARD

Me desculpe.

E então John Locke sai de trás das árvores bem atrás dele.

LOCKE

Olá, Rose.

Rose e Desmond observam instantaneamente alarmados à medida em que Ben também sai da mata logo atrás de Locke.

Locke se aproxima de Desmond e retira a faca do cinto e para na frente de Desmond. Sua calma é absolutamente aterrorizante.

LOCKE (Cont.)

Vou simplificar as coisas. Você vem comigo. Agora. Ou vou matar os dois bem na sua frente.

Rose se aproxima de Bernard e segura sua mão com confiança.

ROSE

Já passamos da fase de ter medo de morrer. Você não tem que ir a lugar nenhum com ele.

Mas então Locke afasta seu olhar de Desmond.

LOCKE

Farei com que sofram.

E Desmond sequer pensa a respeito.

DESMOND

Quero sua palavra de que não irá tocar neles. Nunca.

LOCKE

Feito.

E então Desmond ergue as mãos se rendendo.

DESMOND

Então farei o que quiser.

CÂMERA EM ROSE E BERNARD Eles não se envolvem, mas sabem que aquilo não pode ser bom. CÂMERA NO BEN e então FECHA em Locke que balança a cabeça SATISFEITO quando calmamente diz:

LOCKE

Sim, Desmond. Você vai fazer o que eu quero.

BOOM.

FIM DO PRIMEIRO ATO”.

Da Folha Online

Anúncios