Acabei de chegar e vi o teaser do novo filme a ser lançado, Smurfs.

Desde há um tempo venho pensando nessa nova onda de remake que anda se fazendo no mercado. Só nos últimos dias pude anotar o novo jogo do Mortal Kombat, novo filme com Rapunzel e uma série nova dos Thundercats.

Fazer sequências sempre foi algo legal. Mas considero que depois de um hiato grande de tempo a vida desses ídolos, personagens e ícones tem que ser mantida, a não ser pelo produtor original que queira dar novos ares. E fico pensando: por que não criar novos personagens?

Com certeza todos nós gostaríamos de nos apaixonar por novos Marios, nos encantar com novos Batmans e Super-Homens e morrer de medo de outros Brinquedos Assassinos.

Ao que parece o grande lance dessas últimas décadas é esgotar um personagem com o trio desenho-jogo-filme. Mas então voltam denovo, com novas histórias. Batman mesmo, depois de cinco filmes ganhou o seu “Begins”, ou seja, começo. Onde andam as mentes criativas para criar novos heróis, vilões, mocinhas…?

Dá faturamento? Sim! Que o diga Homem-Aranha, SpiderMan e Alice. Mas que andamos carentes de um novo mundo de aventuras, isso não podemos discordar.