“Mais um jornal paulista passa por reformulação. Depois da Folha e do Estadão, o Diário de S.Paulo chega às bancas com novo formato no próximo dia 25. O jornal terá o mesmo tamanho do Zero Hora e do Lance, uma medida intermediária entre o tablóide e berliner.

“As mudanças editoriais e de formato colocam o jornal em sintonia com as tendências do mercado editorial internacional.  Não temos dúvida que este formato será cada vez mais utilizado pelos jornais brasileiros, assim como já acontece com os principais jornais europeus”, disse o diretor geral da Rede Bom Dia, Flavio Pestana.

O novo Diário de S.Paulo será totalmente em cores, com número flexível de páginas por editoria, que vai variar de acordo com a necessidade do dia.

“O Diário será um jornal popular de qualidade, multiclassista, compacto, pós-noticioso, com fatos bem explicados. Um jornal para criar novos leitores, dirigido à imensa classe média paulistana, com as noticias que os leitores precisam, querem e gostam de saber. O jornal vai trabalhar o porquê e o como muito mais que o quê, o quem, o quando e o onde”, explicou Pestana. Além do jornal, o site passará por uma reformulação.

Na semana anterior ao lançamento, serão realizados diversos eventos para apresentar o novo jornal às agências e aos anunciantes.

A mudança acontece nove meses depois de o jornal ter sido comprado pelo Grupo Traffic, que, além da Rede Bom Dia e do Diário de S.Paulo, tem a maior agência de marketing esportivo do País, que leva o nome do grupo, e a TV Tem, emissora afiliada à Rede Globo no interior de São Paulo. Criada há quatro anos, a Rede Bom Dia tem publicações diárias em Bauru, Catanduva, Jundiaí, São José do Rio Preto, Fernandópolis, Sorocaba, Marília, Grande ABCD e Itatiba”.

Do Propmark